Executivos europeus visitam usina de cana-de-açúcar e ficam impressionados com produtividade do setor

17/09/2014
Jesuino Souza, SXC
Jesuino Souza, SXC

Uma delegação internacional, composta por quatro executivos da União Europeia (EU), visitou no último dia 10/09 a Usina São João, uma das maiores produtoras de açúcar e etanol do Brasil e associada à União da Indústria de Cana-de-Açúcar (UNICA), localizada na cidade de Araras, interior de São Paulo.

Damien Plan (França) e Emilio Rodriguez Cerezo (Espanha); membros do Joint Research Center (JRC), além de Peter Schintlmeister, representante da divisão de pesquisa tecnológica do Ministério da Economia, Família e Juventude da Áustria e Dirk Carrez, diretor Executivo do Consórcio das Bioindústrias da Bélgica, ficaram impressionados com o que viram na área agrícola e industrial da usina, principalmente em relação aos processos de produção e controle biológico de pragas.

“É incrível como uma tradicional unidade sucroenergética seja ao mesmo tempo tão eficiente em seus processos,” disparou um dos executivos.

A visita da delegação europeia a São João fez parte de uma agenda dos executivos que começou dois dias antes em Brasília, numa audiência com representantes do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI), que teve o propósito de estabelecer as articulações para a criação do Observatório de Inovação em Biotecnologia no Brasil e a sua interação com o Observatório de Bioeconomia da União Europeia.

A iniciativa tem entre os seus objetivos prospectar oportunidades de desenvolvimento tecnológico em biotecnologia no Brasil, mapear desafios, avaliar o potencial mercadológico de tecnologias e identificar gargalos e soluções para minimizar os riscos associados à inovação na área.

A coordenadora de Relações Institucionais da UNICA, Luana Maia, que acompanhou a delegação na Usina São João, classificou a visita como oportuna e adequada, já que os europeus vieram ao Brasil justamente para tratar de assuntos relacionados à tecnologia e uso de biomassa.

Além de conhecer uma usina de cana-de-açúcar e se reunir com o MCTI, a missão europeia passou pela Embrapa, em Brasília, pelos laboratórios do Centro Nacional de Pesquisa em Energia e Materiais (Cnpem), em Campinas (SP), e também por complexos industriais instalados na cidade do Rio de Janeiro.

Fonte: Biocana, com informações de Unica

Faça um comentário
Imprimir

Avaliar

  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5

Resultado da Avaliação:

  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
0

Deixe o seu comentário:

Indique a um amigo: